PR4SMA | Santo Espírito – Maia

PR4SMA | Santo Espírito – Maia

Este percurso inicia-se junto à Igreja de Santo Espírito, na freguesia do mesmo nome, passa pelo lugar da Maia, termina na Fábrica da Baleia, na Ponta do Castelo, e tem a duração aproximada de 3 horas.

O trilho prossegue ao longo da aldeia, em direção a um moinho de vento tradicional.

Após o moinho, continua por um atalho de pé-posto dentro de uma mata de incensos e posteriormente por entre pastagens. Neste troço, após a mata de incensos, encontrará um antigo fontenário à sua direita.

Após cerca de 500m, chegará a uma bifurcação onde deverá virar à sua direita, para um caminho de terra batida designado por Caminho da Lapa. Seguindo sempre em frente encontrará indicações para voltar à esquerda, para um pequeno atalho que o levará a uma zona de nascentes, onde antigamente se lavava roupa. Continue, e chegará a outro caminho de terra, onde deverá voltar à direita, descendo em direção à costa.

Passará por uma canada antiga, em pedra, e pouco depois chegará à margem da Ribeira Grande. O trilho prossegue ao longo da ribeira até chegar perto da falésia, onde se atravessa o curso de água, cuidadosamente, para a margem direita.

Continuando o percurso, poderá parar em diversos pontos e, olhando para trás, contemplar a esplêndida Cascata do Aveiro. O percurso segue agora ao longo da falésia, por um atalho de pé-posto, e desce depois para o lugar da Maia.

Neste troço pode observar-se uma grande abundância de exemplares de Aichryson villosum, uma planta nativa dos Açores e da Madeira. Na descida para a Maia, o percurso passa por entre algumas vinhas tradicionais.

Ao chegar à Maia, poderá fazer um pequeno desvio à esquerda para ver a Cascata do Aveiro de baixo para cima, assim como dois pequenos lagares construídos em 1579. Após contemplar a cascata, continue pelo trilho principal em direção à Ponta do Castelo.

O caminho segue ao longo da Maia e, cerca de 1 km depois, diverge por uma escadaria à esquerda que sobe para a estrada regional. Aqui deverá virar à esquerda e seguir sempre em frente até ao Farol de Gonçalo Velho.

Ao chegar ao farol, encontrará um caminho de pé-posto que desce para o mar e ao longo do qual pode observar várias espécies da flora local, assim como desfrutar de uma magnífica vista sobre a costa de Malbusca.

Lá em baixo encontrará as ruínas da antiga Fábrica da Baleia e uma tranquila zona balnear.

Este percurso atravessa uma área classificada como Sítio de Interesse Comunitário e outra área classificada como Reserva Natural.

Consultar folheto do Trilho